sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

Sem Parreira, Marcio Braga admite: 'Iremos atrás de um técnico normal'

PAPO DE BOLA, SUA FOLHA SEMANAL DE ESPORTES ON-LINE
Presidente do Flamengo diz que apenas Carlos Alberto Parreira poderia assumir o cargo de diretor técnico, idealizado por ele.
Por uma semana, Marcio Braga acreditou que iria finalmente realizar seu desejo de modernizar o departamento de futebol do Flamengo com a contratação de Carlos Alberto Parreira como diretor técnico. O sonho, no entanto, acabou após um jantar na noite de quinta-feira, em que o tetracampeão mundial recusou o convite para continuar exercendo esta mesma função na empresa de investimentos Traffic. Sendo assim, o dirigente se conformará com a chegada de um profissional que se limite "apenas" ao trabalho à beira do gramado. Cuca e Renato Gaúcho surgem como favoritos para o cargo. - O que tínhamos projetado para o Flamengo com perfil de diretor técnico só se encaixava com o do Parreira. Agora, iremos atrás de um técnico normal.
Marcio Braga garantiu que Carlos Alberto Parreira não indicou nenhum nome para assumir o Flamengo. - Conversamos por mais de duas horas sobre futebol, treinadores, managers... Analisamos vários técnicos, mas não há nenhuma indicação. Agora vou conversar com meu pessoal do futebol. De acordo com o vice-presidente de futebol, Kleber Leite, o anúncio do nome do novo treinador não passará desta sexta-feira.