sexta-feira, 9 de maio de 2008

Caio Júnior corre risco de suspensão do STJD

PAPO DE BOLA, SUA FOLHA SEMANAL DE ESPORTES ON-LINE
Treinador pode pegar 150 dias de gancho por conta de expulsão pelo Goiás

LANCEPRESS!
Depois da crise instalada na Gávea pela eliminação da Copa Libertadores, o Flamengo está a perigo de ter outro grave problema. Caio Júnior, novo técnico do clube, será julgado pelo STJD por conta de sua expulsão na partida entre Goiás e Corinthians, no último dia 30 de abril, pela Copa do Brasil deste ano, quando treinava o clube goiano.
O julgamento está marcado para a próxima terça-feira, dia 13 de maio. Se punido for, o treinador rubro-negro corre risco de pegar um gancho de até 150 dias.
Caio Júnior foi denunciado nos artigos 187 II (Ofender moralmente – árbitro ou auxiliar em função) e 274 (Invadir local destinado à equipe de arbitragem, ou à partida, prova ou equivalente, durante sua realização, inclusive no intervalo regulamentar ou nele ingressar sem a necessária autorização), ambos do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD). As penas previstas para estes artigos são suspensão de 30 a 180 dias e 120 a 720 dias, respectivamente.