quinta-feira, 8 de maio de 2008

CORTARAM OS PÉS E MANGÃO TÁ FORA

PAPO DE BOLA, SUA FOLHA SEMANAL DE ESPORTES ON-LINE
Fla dá vexame histórico na despedida de Joel e está fora
Time tem atuação abaixo da crítica e perde por 3 a 0 para o América-MEX. Caio Júnior assume em meio à crise

O roteiro era de festa, com comemoração de título, Maracanã cheio e despedida emocionada de Joel Santana. Mas o oba-oba transformou-se em um dos maiores vexames da história do Flamengo. Apático, o time rubro-negro perdeu por 3 a 0 para o América-MEX e está eliminado da Taça Libertadores, a competição prioritária da equipe para o ano.

No México, o Fla venceu por 4 a 2 e entrou em campo relaxado, podendo perder até por 2 a 0. Tomou o castigo, com dois gols de Cabañas, o carrasco paraguaio, e um de Esqueda. O próximo adversário dos surpreendentes mexicanos sai do confronto entre Cúcuta e Santos, que ocorre nesta quinta-feira, na Colômbia. No jogo de ida, os paulistas venceram por 2 a 0.

O novo treinador rubro-negro, Caio Júnior, assitiu ao jogo de uma cabine de imprensa e não deu sorte. No fim, o silêncio constrangedor dos mais de 50 mil rubro-negros presentes no Maracanã contrastava com a festa de três dias antes, após o título do Campeonato Estadual. E da celebração antes da partida, com as homenagens a Joel Santana.